Newton Fleury fala sobre o Cartola FC 2010

Gerente de produtos do Globoesporte.com antecipa mudanças do game


Em entrevista ao blog CARTOLEIROS, Newton Fleury, Gerente de Desenvolvimento de Produtos do Globoesporte.com, falou sobre o que vem por aí na edição de 2010 do CARTOLA FC. Expectativas, novidades e muito mais. Confira abaixo.
.
Newton Fleury, Gerente de produtos do Globoesporte.com
(Foto Arquivo Pessoal)
CARTOLEIROS - Olá Newton, primeiramente gostaríamos de agradecê-lo pela gentileza em ceder essa entrevista ao nosso blog. Ficamos muito gratos.
Newton - Oi, é um prazer falar com vocês.
.
CARTOLEIROS – Como surgiu a idéia de fazer o Cartola FC ?
Newton - Em 2004 as Organizações Globo haviam adquirido os direitos para desenvolver jogos usando o nome dos clubes. Fui chamado para tocar esse projeto, e como já era um fã de Fantasy games da NBA, surgiu a idéia de fazer uma versão para o Futebol Brasileiro.

CARTOLEIROS – Foram 1.763.832 participantes na última edição do jogo. Vocês esperavam tamanha repercussão ?
Newton - Eu sempre soube que o Cartola FC seria um sucesso no médio prazo, pois tem tudo a ver com o povo brasileiro, que adora se meter de técnico. Mas não esperava que fosse crescer tão rápido, especialmente entre crianças de 7 a 8 anos. Acho que estamos criando nessa nova geração um novo jeito de acompanhar futebol, e isso me deixa muito orgulhoso.

CARTOLEIROS – A que você atribui o sucesso do Cartola FC ?
Newton - O fato é que o Cartola deixa o Campeonato muito mais legal de se acompanhar. Antes, se seu time começava a ir mal, você meio que abandonava o campeonato. Agora, graças ao cartola, qualquer jogo pode se tornar mais emocionante, o que é ótimo pra quem é viciado em futebol. De novo, pode soar prepotente, mas acredito que estamos mudando a relação do brasileiro com o campeonato.

CARTOLEIROS – Quais são as metas para esse ano ?
Newton - A meta para esse ano é resolver de vez os problemas técnicos e chegar a 3 milhões de usuários.

CARTOLEIROS – Teremos novidades ? Pode nos adiantar algo ?
Newton - Focamos basicamente na resolução dos problemas e construção de uma nova interface, um pouco mais "clean". Com relação a dinâmica do jogo, aperfeiçoamos o algoritmo de flutuação de preço. Antes, o jogador sempre tendia a voltar para o preço original. Então, se seu preço tivesse subido ou descido demais numa rodada, havia forte tendência de que na rodada seguinte ele tivesse uma variação inversa. Esse ano, não. O jogador pode ir se desvalorizando todas as rodadas. Ou seja, comprar um cara com grande desvalorização na rodada anterior não é mais garantia de ganhar cartoletas. Acredito que isso vai deixar o jogo ainda mais intrigante.

CARTOLEIROS – Existe alguma previsão para a abertura do Cartola FC 2010 ?
Newton - Início de Maio.

CARTOLEIROS – Como vocês lidam com as expectativas dos usuários do jogo ? Afinal, ficamos todos ansiosos pela reabertura do mercado a cada rodada.
Newton - Esse é o principal problema do Cartola, e onde concentramos nossos esforços. Se tudo der certo, esse ano vamos diminuir consideravelmente esse tempo.

CARTOLEIROS – Falando mais diretamente do jogo, como são definidos os valores dos jogadores e os critérios de pontuação ?
Newton - Os critérios de pontuação foram feitos com análise em um histórico dos scouts, procurando equilibrar critérios defensivos e ofensivos para permitir diferentes estratégias. Ou seja, nosso objetivo é que o jogador que atue bem pontue bem, independente de sua contribuição ter sido mais na parte ofensiva ou defensiva. Acredito que fazemos um bom trabalho nisso, tanto é que não há consenso sobre qual o melhor esquema tático a se usar. Os valores dos jogadores são definidos segundo critérios editoriais, respeitando algumas premissas de jogabilidade (X jogadores na faixa mais alta, Y nas intermediárias e assim por diante).

CARTOLEIROS – Você pode nos passar uma idéia geral da questão de valorização e desvalorização de jogadores ?
Newton - Posso. Até ano passado, levávamos em conta o Preço Inicial do Jogador, sua média de pontos e a pontuação da última Rodada. A partir daí, recalculávamos os preços relativos dos jogadores. Esse ano, mudamos o preço inicial pela média de preços ao longo do campeonato, o que vai dar uma mudança sensível, permitindo uma variação maior ao longo do campeonato. É importante saber que necessariamente o somatório das valorizações na rodada é sempre igual ao somatório das desvalorizações, para evitarmos inflação.

CARTOLEIROS – Quais são as suas dicas básicas para quem quer se tornar um vencedor no CARTOLA FC ?
Newton - Boa gestão econômica nas primeiras rodadas: economizar cartoletas, procurar jogadores com potencial de valorização, etc. Depois que você tiver pelo menos umas 125 cartoletas nos cofres, pode relaxar e focar em pontuação.

CARTOLEIROS - Muito obrigado pela participação em nosso blog e congratulações pelo seu trabalho dentro do Cartola FC. Fique à vontade para deixar seu recado aos cartoleiros, o espaço é seu...
Newton - Nossa equipe trabalhou muito duro esse ano para lançar o novo Cartola. Espero que seja tão divertido para vocês jogarem quanto é para a gente fazer.

 
 
 
 
 
Copyright 2010-2016 © Cartoleiros - O número 1 do Cartola FC Privacidade | Site integrante do Cartola Club