Estatística FC

.
Um dia a menos na semana e um dia a mais de feriado não fizeram bem ao Estatística FC, que perdeu por WO na última rodada, pois não consegui escrever a coluna.

De qualquer forma é hora de levantar a cabeça e ir pra cima dos adversários com armas e números nas mãos.


Fluminense x Grêmio


Um jogo com cara de final entre duas equipes que vivem bons momentos no campeonato: o Flu vem de 5 vitórias seguidas e o Grêmio não sabe o que é perder há 7 rodadas.

Além disso, teremos a melhor defesa contra a 3a melhor defesa do campeonato, o que indica que deve ser um jogo de poucos gols e por isso decidimos apostar em:

Diego Cavalieri: Média de 5,99, com direito a 45 defesas difíceis e vindo de atuações decisivas em 3 das últimas 4 rodadas. Mas o que nos convence de escalar o arqueiro do Flu nessa final é que atualmente ele é o melhor goleiro do Brasil.

Digão: Ótima média de pontos (7,95 por partida) e de roubadas de bola (2,9 por jogo). Joga ao lado da melhor defesa do Brasil e a frente do melhor goleiro em atividade no país, o que aumenta as chance de ganhar os 5 pontos do SG.


Internacional x Figueirense

O Inter venceu as duas últimas partidas em casa e o Figueira perdeu as últimas 4 como visitante.

O Figueira venceu apenas uma vez como visitante, empatou outras 3 e já soma incríveis 11 derrotas fora de casa. Já o Inter é um bom mandante: jogando em casa, venceu 8 vezes, perdeu 3 e empatou outras 8.

O Figueirense tomou 9 gols nas últimas 3 partidas e o ataque colorado foi as redes 5 vezes nos últimos 3 jogos.

E para aumentar ainda mais a confiança em uma boa atuação dos comandados de Fernandão, vale lembrar que o Inter marcou 8 gols nos últimos 3 jogos no Beira Rio e o Figueira levou nada mais, nada menos que 11 gols nas últimas partidas longe de seu estádio.

O Inter sofreu apenas 11 gols em 15 jogos em casa e o Figueira não marcou gols nas últimas 2 que jogou como visitante, tendo marcado apenas 13 gols como visitante.

Apostamos em uma boa vitória do Inter e grandes atuações de:

Fabrício: iniciou o campeonato como titular devido a ausência de Kléber e agradou a maioria dos cartoleiros e torcedores do Inter. Com 6 assistências, 1 gol e 35 roubadas de bola, o lateral colorado tem média de 4,21 pontos por jogo e deve pontuar bem na rodada, principalmente se garantir o SG.

Fred: vive boa fase e comandou as últimas duas vitórias do Inter no Beira Rio, com duas grande atuações e pontuações: 14,8 pontos na vitória de 3 a 1 contra o Bahia e os mesmos 14,8 pontos na vitória sobre o Galo por 3 a 0.

Dagoberto: atacante rápido e de boa média, vai completar o ataque colorado ao lado de Rafael Moura e Cassiano. Na vitória do 1o turno contra o Figueira marcou o gol da vitória. Tem 5 gols, 5 assistências e média de 3,53 pontos por jogo.


Coritiba x Náutico


O Coxa é forte em casa, onde venceu 8 dos 15 jogos que disputou e conquistou 57% dos pontos disputados. Já o Náutico é um dos piores visitantes do campeonato. Ao contrário do que ocorre quando atua no Estádio dos Aflitos, jogando fora o Timbu quase não vence. Até aqui venceu apenas 1 vez e perdeu 12 confrontos.

Vale ressaltar que teremos duas das piores defesas do campeonato se enfrentando em Curitiba: o Náutico sofreu 45 gols e o Coxa 48. Números que indicam que o jogo deve ser movimentado e com bastante gols e que nos fazem crer em boas atuações de:

Rafinha: jogador regular que costuma participar da maioria das jogadas ofensivas do time alvi-verde. Além disso, é o homem das bolas paradas no time paranaense e já contribuiu com 5 assistências e 3 gols, que ajudam o meia a manter a ótima média de 5,24 pontos por jogo.


Portuguesa x Flamengo

A campanha da Portuguesa em casa é boa - ganhou 57% dos pontos disputados. Já o Flamengo não é um bom visitante - conquistou apenas 26% dos pontos.

Sem falar que o Fla sofre muitos gols fora de casa - 25 até aqui - e a Lusa costuma marcar bastante gols em seus domínios - 23.

Geralmente quem marca gol no time da Portuguesa é:

Bruno Mineiro: vice-artilheiro do Brasileirão, atrás apenas de Fred e Luís Fabiano, o atacante da Lusa tem a excelente média de 7,60 pontos por jogo. E deve deixar o seu gol, após passar em branco nos últimos 2 jogos.


Botafogo x Vasco

Botafogo e Vasco não vivem boas fases - o Fogão não sabe o que é vencer há 7 rodadas e o time da Colina perdeu os dois últimos confrontos contra Santos e São Paulo.

Além disso os ataques de ambos os times estão em má fase: marcaram apenas 1 gol nos últimos 3 jogos disputados.

O clássico deve ser tenso, mas com jogo truncado e poucos gols para ambos os lados, por isso uma boa pedida nesse jogo é:

Dedé: o zagueirão já desfalcou o Vasco algumas vezes e por isso esteve em campo em apenas em 21 das 31 rodadas até aqui, mesmo assim, o jogador é o líder no quesito roubadas de bola entre os zagueiros nesse Brasileirão 2012, com 49 bolas recuperadas. Como o clássico deve ser bastante disputado, a chance dele roubar algumas bolas é grande, além do que, o zagueiro da Seleção ainda pode garantir o SG.


São Paulo x Atlético-GO

Que o Atlético-GO é um visitante ruim todos já sabem, mas o que nos faz apostar pesado no tricolor nessa rodada é a boa fase são-paulina.

O São Paulo é um dos times do momento no Brasileirão. A equipe vem em ascensão e não sabe o que é perder há 6 rodadas. Sem falar que já são 3 vitórias seguidas - contra Palmeiras, Vasco e Figueirense.

Além disso o ataque tricolor marcou 7 gols nos últimos 3 jogos e não sofreu nenhum.

Entendemos que todos os nomes abaixo são boas apostas:

Cortez: com a entrada de Paulo Miranda na lateral direita e o retorno de Wellington, o time ganhou em segurança e Corteza ganhou mais liberdade para atacar. Além disso, a boa fase defensiva da equipe do Morumbi pode garantir o SG para o lateral.

Lucas: Meia decisivo, com ótima média (6,08 pontos por jogo) volta ao time após servir a Seleção Brasileira e não deve decepcionar a torcida tricolor contra o lanterna.

Luís Fabiano: artilheiro do campeonato com 14 gols marcados e dono de média espetacular: 9,10 pontos por partida. Se isso já não bastasse, enfrenta uma zaga que já sofreu 53 gols no campeonato, 28 deles fora de casa.


Escalação:

Diego Cavalieri
Cortez
Fabrício
Dedé
Digão
Lucas
Rafinha
Fred
Bruno Mineiro
Dagoberto
Luís Fabiano
Ney Franco



Por que não?

Ronaldinho Gaúcho e Neymar Jr: a partida entre Santos e Galo marca o reencontro da dupla que foi protagonista em um dos melhores jogos dos últimos tempos na própria Vila Belmiro: os dois craques brilharam no confronto entre Santos e Flamengo pelo Brasileiro do ano passado.

O jogo terminou 5 a 4 para os rubro-negros de virada, com direito a 3 gols de R49 e 2 gols de Neymar, sendo um deles o gol que lhe rendeu o prêmio Puskas no fim de 2011. Será que os craques repetem a dose?

O Estatística FC não vai apostar neles dessa vez, principalmente porque Neymar segue como dúvida, mas se esse fosse o Superstição FC, com certeza o ataque seria formado por Neymar e Ronaldinho.

Deivid: Tem sido beneficiado pelo sistema com 3 meias - Lincoln, Everton Ribeiro e Rafinha e vive boa fase: marcou 3 gols nas últimas 3 partidas. Ficou de fora pela ausência de uma regularidade maior durante todo o campeonato.

Léo Silva: a Lusa é favorita em casa, mas o Flamengo luta pra se livrar de vez do fantasma do rebaixamento e por isso deve engrossar o jogo, o que aumenta as possibilidades de roubadas de bola do maior ‘ladrão’ do campeonato até aqui. Ficou de fora pois preferimos apostar na ofensividade do trio Lucas, Rafinha e Fred.

Paulo Miranda: parece ter se encontrado na lateral direita e vem tendo ótimas atuações. Acabou ficando de fora pois preferimos apostar na má fase do ataque do Botafogo e por isso escalamos Dedé.


Faltam apenas 8 rodadas, por isso é hora de estudar as estatística, multiplicar os pontos e aumentar a diferença para os rivais.

PS- o objetivo desse quadro não é indicar um time forte ou barato, mas apenas apresentar uma escalação com base em uma análise mais fria dos números dos jogadores e dos times.


 
 
 
 
 
Copyright 2010-2016 © Cartoleiros - O número 1 do Cartola FC Privacidade | Site integrante do Cartola Club