Ads Top

São Paulo - O Cemitério do Futebol Brasileiro

O que aconteceu com o futebol de um dos maiores estados brasileiros?

São Paulo - O Cemitério do Futebol Brasileiro

O Estado mais vencedor do futebol brasileiro segue vivo dentro das quatro linhas com títulos e futebol bem jogado de seus clubes nos últimos anos. Porém, nas arquibancadas, a festa das torcidas são praticamente inexistentes, salvo alguns mosaicos feitos nos últimos anos. Muito pouco para um Estado com tantos clubes e torcidas apaixonadas como de Corinthians, Palmeiras, São Paulo, Santos, Ponte Preta, Guarani, dentre outros tradicionais no interior paulista.

Mas porque o futebol paulista chegou a esse ponto? Muitas brigas entre torcidas organizadas usando os mastros das bandeiras e mortes de torcedores organizados fizeram com que a festa da torcida praticamente morresse. A partir disso, o Ministério Público, a Polícia do Estado e a Federação Paulista proibiram a entrada de batuques e bandeiras com mastro nos estádios, algo feito para dar uma resposta à sociedade punindo não apenas as organizadas, mas também os torcedores no geral. E com o passar dos anos as brigas não diminuíram, e então proibiram os bandeirões, sinalizadores e as faixas das torcidas.

São Paulo - O Cemitério do Futebol Brasileiro

Quando ouvimos torcedores falando “não ao futebol moderno”, estão querendo dizer que o futebol está virando uma peça de teatro, onde você fica sentado assiste e aplaude. Quem nasceu nos anos 2000 sabe apenas por vídeos como eram as festas nas arquibancadas paulistas até os anos 90. Até assistir aos jogos pela TV é uma experiência diferente quando se vê jogos em São Paulo e em Minas Gerais, Rio de Janeiro por exemplo. O uso de instrumentos musicais que ficamos ouvindo o jogo todo e que dá ritmo ao canto das torcidas contrasta com vários momentos de silêncio nos jogos em São Paulo.

O ápice do fim da alegria das arquibancadas são os clássicos de torcida única com o motivo de maior segurança e redução da violência. Entretanto a maior parte das brigas acontece fora do estádio, em estações de metrô e muitas vezes longe da praça desportiva. A torcida do Corinthians não pode mais ver seu time jogar no Morumbi e calar o estádio. Os alviverdes não podem mais ir a Arena Corinthians e ver sua equipe ganhar do maior rival em sua casa.


Existe violência no futebol dos outros Estados também, porém as autoridades não mataram a festa nas arquibancadas, então porque em São Paulo não se pode fazer o mesmo? Não são as bandeiras, as faixas, os instrumentos que cometem a violência, são as pessoas, que se descumprirem a lei devem ser punidos individualmente. As crianças de hoje precisam respirar a verdadeira essência do futebol brasileiro. A festa das torcidas faz parte disso, porque muitos torcedores quando crianças começaram a torcer por um clube se apaixonando pelo o que a torcida fazia na arquibancada, e o fim disso pode causar a queda do interesse das crianças nos times brasileiros, algo preocupante para o futebol pentacampeão do mundo.
São Paulo - O Cemitério do Futebol Brasileiro São Paulo - O Cemitério do Futebol Brasileiro Reviewed by Rafael Santos on 6/24/2017 09:16:00 AM Rating: 5