Dicas da Cartoleira #10: pontuação e estabilidade

Para esta rodada, o Estrela Vespertina não faz muitas mudanças e continua apostando nas melhores médias do campeonato.


Olá gurizada! Que rodada hein? Ainda mais para quem escalou Rodrygo (SAN). Obviamente o Estrela Vespertina não teve essa sacada, mas ele era capitão do meu outro time e me deixou extremamente feliz. Pena que no principal não tive essa mesma coragem né... Mas mesmo assim não vou ficar choramingando, já que o Estrela fez 89.37 pts, mesmo com dois jogadores que não entraram em campo.

Para esta rodada, apostamos nos titulares absolutos (veja o meio-campo e um dos atacantes) e não fugimos dos clássicos. São poucas as mudanças em relação à escalação da rodada passada, mas o esquema tático é uma delas, já que agora vai ser o 4-3-3.

No gol vamos novamente com Fábio (CRU), que é bastante seguro e recebe o Vasco na primeira partida sem Zé Ricardo, o que pode dar um ânimo extra para o time carioca.

Na zaga, aquela dupla da segurança: Dedé (CRU) e Balbuena (COR). O primeiro já figura entre os mais escalados da rodada; e o segundo vem de uma rodada ruim, mas que pode crescer no clássico contra o Santos.

Na lateral temos uma aposta e um titular. A aposta é Júnior (PAR), que mesmo tomando gol tem uma média de 6.96 pts, com 14 roubadas de bola, 13 faltas sofridas e algumas finalizações. Além do mais, o Paraná vem empolgado da vitória contra o Fluminense, joga em casa e enfrenta o Bahia, que não marca gol fora de casa.

Quem completa é Gilberto (FLU), que deve ser muito exigido no clássico, já que o Fluminense ainda está sem Pedro e ele é bastante ofensivo. Não acho que ele mantenha o saldo de gol, mas ele pontua bem independente disso.


No meio campo nenhuma novidade e três jogadores que não podem faltar em nenhum time: Gustavo Blanco (CAM), Lucas Paquetá (FLA) e Anselmo (SPO). Todos ladrões de bola que juntos somam 109 RBs. Tá bom ou quer mais? Sem contar que ainda pontuam com finalização, assistência e sim: gols. PS: Sim, eu sei que Paquetá enfrenta Gilberto. Mas como eu falei antes, não estou contando com o SG dele não!


No ataque, simplesmente as três maiores médias da posição: Róger Guedes (CAM), Éverton (GRE) e Neilton (VIT). Muitas chances de gols e inúmeras finalizações.


Para comandar esse time vamos com Mano Menezes (CRU), que tem uma média bastante interessante.

OBS: Caso algum desses jogadores vire dúvida até o fechamento do mercado ele será substituído. Fique de olho.

Por Adriane Adami @drica_adami | Site Cartoleiros
Dicas da Cartoleira #10: pontuação e estabilidade Dicas da Cartoleira #10: pontuação e estabilidade Reviewed by Adriane Adami on 6/06/2018 01:27:00 PM Rating: 5