O Uruguai é tetracampeão do Mundo?

Escudo da Asociación Uruguaya de Fútbol possui 4 estrelas — uma para cada mundial.

Foto: goal.com
Durante a Copa das Confederações de 2017, comentaristas esportivos do programa Fútbol Picante, veiculado pela ESPN para México, Estados Unidos e outros países da América Central, debatiam um fato bastante desconhecido no Brasil, mas abordado com mais frequência entre nossos irmãos sul americanos: O Uruguai é tetracampeão do Mundo?!

E... Afinal, o Uruguai é tetra ou não?

Como a maioria sabe, o Uruguai conquistou a Copa do Mundo em duas oportunidades. A primeira, realizada em 1930 no próprio país, quando a Celeste derrotou a Argentina na final e a segunda e mais famosa em 1950, no Brasil, onde derrotaram a seleção da casa de virada no jogo que ficou conhecido como Maracanazzo.

Mas, então, por que os uruguaios se consideram tetracampeões? A história começa em 1921 com o francês Jules Rimet assumindo a presidência da FIFA. Em um período entre-guerras, Rimet era um idealista e acreditava no esporte como forma de aproximar as nações, tão distantes uma das outras devido aos conflitos dos anos anteriores.

Jornal anuncia o ''Torneio Mundial de Futebol'' 
Para isso, tinha como ideia organizar um torneio mundial de futebol, englobando equipes de diferentes continentes. Como a maior entidade do mundo da bola não era tão rica e poderosa como nos dias de hoje, a decisão tomada pela FIFA junto com o COI – Comitê Olímpico Internacional – foi a de repassar a organização do futebol nos Jogos Olímpicos para a FIFA.

Em 1924, 22 países de 4 continentes mandaram suas delegações para disputar aquele que seria o primeiro campeonato mundial de futebol, realizado nas Olimpíadas de Paris. O país da Cisplatina era o único representante sul americano na disputa e, por pouco, o elenco não viajou. O dirigente Artillo Narancho hipotecou sua própria casa a fim de conseguir o dinheiro para financiar a viagem de barco de todo o elenco para o Velho Continente.

Durante a fase preliminar, o Uruguai goleou a Iugoslávia pelo placar de 7 a 0, surpreendendo a todos os europeus, que estavam acostumados com outro tipo de jogo. Nas fases posteriores, vitória sobre os Estados Unidos (3 a 0), França (5 a 1) e Holanda (2 a 1). Na grande final, Petrone, Romano e Pedro Cea – vice-artilheiro da Copa de 30 – decretaram a vitória uruguaia diante o time suíço. Na comemoração pela medalha de ouro, os jogadores uruguaios deram uma volta ao redor do campo. Nascia ali a tradicional volta olímpica.
Jornal mexicano declarando o Uruguai tetracampeão após conquista no Brasil

Quatro anos mais tarde, em Amsterdã, o Uruguai se juntava ao Chile e à Argentina como os sul americanos na briga pelo ouro. Na primeira fase, uma reedição da disputada semifinal das Olimpíadas parisienses. Novamente, a Celeste derrotou os holandeses - dessa vez por 2 a 0 - e se classificaram para as quartas de final. Pelo caminho, ainda ficaram para trás Alemanha, Itália em um apertado 3 a 2, e Argentina na decisão, que viria se repetir dois anos mais tarde, já na Copa do Mundo. 

No Clássico do Rio da Prata, muito equilíbrio e 1 a 1 durante o primeiro jogo. Como na época não existiam os pênaltis, foi realizado uma partida de desempate, vencida pelos Cisplatinos por 2 a 1. O apelido Celeste Olímpica foi inventado em homenagem à essa grande seleção, a primeira a fazer sucesso nos quatro cantos do planeta.

Opinião do autor

Assim como as dúvidas sobre o Brasileirão de 1987 ser do Sport ou do Flamengo, se a Taça Rio de 1951 pode ser considerada mundial entre tantas outras que rondam o futebol, essas polêmicas fazem parte da cultura desse esporte e com a Copa do Mundo não poderia ser diferente.

Em minha humilde opinião, o Uruguai é tetracampeão mundial, pois conquistou duas competições de nível internacional, organizadas e reconhecidas pela FIFA como um torneio mundial. É importante deixar claro: não são Copas do Mundo! No entanto, tem o mesmo peso e valor que uma. 

Lembrando que: nesses casos, é sempre importante recorrer a meios como jornais, documentos e outros recursos que comprovem o valor histórico do fato — o que pode ser comprovado pelas imagens utilizadas durante o texto.

Por: Matheus Moura
O Uruguai é tetracampeão do Mundo? O Uruguai é tetracampeão do Mundo? Reviewed by Matheus Moura on 6/14/2018 08:32:00 AM Rating: 5