Posição Estratégica #15: a maré tá cheia!

Na rodada 15 vamos manter a onda de bons resultados. Se está bom, dá pra ficar melhor ainda!


Na rodada #14 recuperamos os resultados da rodada #13 e conseguimos uma boa pontuação. Nenhum jogador defensivo tomou gol e acertamos o capitão (maior pontuador do time). O Posição Estratégica teve o seguinte desempenho na última rodada:

Avaliando nossa escalação anterior, temos os seguinte pontos de destaques:

ERROS - Diego Pituca (SAN) e Willian (PAL) negativaram e deixaram a desejar nesta rodada.

ACERTOS - Os principais foram Zé Rafael (BAH), nosso capita, e Barcos (CRU) que tinha entrado como aposta e correspondeu o deixando o dele contra o Atlético PR.

Para aqueles que estão começando a acompanhar nossa equipe agora, o Posição Estratégica utiliza como critério de escalação a média das pontuações conforme as partidas anteriores, também levando em consideração os jogos que acontecerão dentro e fora de casa.

Considere alguns fatores ao escalar sua equipe para a rodada 15:

Santos x Flamengo - A equipe santista sofreu 5 gols nos últimos 3 jogos em casa, enquanto os cariocas fizeram 4 gols nas últimas 3 partidas fora de casa. A defesa flamenguista, por sua vez, sofreu apenas 1 gol nos últimos 3 jogos fora. Considere opções defensivas e ofensivas do Flamengo.

Botafogo x Chapecoense - O Botafogo sofreu apenas 1 gol em casa nos últimos 3 jogos (sendo que não tomou gol nos últimos 2 jogos como mandante), enquanto a Chape, além de não ter vencido fora de casa no Campeonato, não fez gol nos últimos 2 jogos como visitante. Considere opções defensivas do Botafogo.

Atlético MG x Paraná - Atlético marcou 10 gols nos últimos 3 jogos em casa, enquanto o Paraná sofreu 4 gols nos últimos 3 jogos como visitante. Os paranaenses não marcam há 4 jogos jogando fora de casa, porém os mineiros sofreram 6 gols nos últimos 3 jogos fora de casa. Cuidado com as apostas em opções defensivas do Atlético e não espere uma goleada da equipe mandante.

Dito isso, vamos à escalação:

OBS: trouxemos números sobre diversos jogadores em suas últimas partidas, mas aqueles que integram o time do Posição Estratégica estão destacados em negrito e laranja.

Goleiros:


Últimos 5 jogos: Sidão (SAO), com média de 11,30 pontos.
Últimos 3 jogos: Sidão (SAO), com média de 11,50 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos em casa: Cássio (COR), com média de 20,00 pontos — lembrando que o goleiro corintiano fez apenas 1 jogo em casa nas últimas 6 rodadas. Outra opção dentro desse critério seria Julio César (FLU) com média de 4,50 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos fora de casa: Thiago Rodrigues (PAR), com média de 10,50 pontos.

Laterais:


Últimos 5 jogos: Reinaldo (SAO), com média de 9,20 pontos; Eder Militão (SAO), com média de 7,60 pontos.
Últimos 3 jogos: Reinaldo (SAO), com média de 10,30 pontos; Rene (FLA), com média de 7,90 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos em casa: Moisés (BOT), com média de 9,0 pontos; Jeferson (VIT), com média de 6,70 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos fora de casa: Eder Militão (SAO) e Rene (FLA), ambos com média de 8,40 pontos.

Zagueiros:


Últimos 5 jogos: Anderson Martins (SAO), com média de 11,10 pontos; Pedro Geromel (GRE), com média de 10,80 pontos.
Últimos 3 jogos: Anderson Martins (SAO), com média de 13,00 pontos; Pedro Geromel (GRE), com média de 10,80 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos em casa: Pedro Geromel (GRE), com média de 16,90 pontos; Leonardo Silva (CAM), com 11,00 pontos. Obs. Ambos tem apenas uma partida em casa nos últimos 6 jogos. Outras opçoes dentro deste critério e que jogaram todas as últimas 6 partidas são Bressan (GRE) e Igor Rabello (BOT), ambos com média de 7,10 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos fora de casa: Victor Cuesta (INT), com média de 10,80 pontos; Anderson Martins (SAO), com média de 7,00 pontos.


Meias:


Últimos 5 jogos: Arrascaeta (CRU), com média de 14,60 pontos (*duas partidas jogadas); Patrick (INT), com média de 10,60 pontos (*três partidas jogadas); Matheus Fernandes (BOT), com média de 9,10 pontos (*quatro partidas jogadas).
Últimos 3 jogos: Patrick (INT), com média de 14,80 pontos (*duas partidas jogadas); Arrascaeta (CRU), com média de 14,60 pontos (*duas partidas jogadas); Everton (SAO), com média de 12,60 pontos (*duas partidas jogadas).
Últimas 6 rodadas, jogos em casa: Diego Pituca (SAN), com média de 12,20 pontos; José Welison (VIT), com média de 5,60 pontos; Tomás Andrade (CAM), com média de 5,00 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos fora de casa: Cuellar (FLA), com média de 6,60 pontos; Everton (SAO), com média de 4,30 pontos.


Ataque:


Últimos 5 jogos: Pedro (FLU), com média de 10,40 pontos; Rodolfo (PAR), com média de 8,40 pontos (*uma partida jogada); Ricardo Oliveira (CAM), com média de 8,20 pontos; Willian (PAL), com média de 8,00 pontos.
Últimos 3 jogos: Pedro (FLU), com 9,80 pontos; Rodolfo (PAR), com média de 8,40 pontos (*uma partida jogada); William Pottker (INT), com média de 7,40 pontos; Nico López (INT), com média de 6,40 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos em casa: Ricardo Oliveira (CAM), com média de 14,30 pontos; Gabriel (SAN), com média de 8,20 pontos.
Últimas 6 rodadas, jogos fora de casa: Willian (PAL), com média de 9,90; Dudu (PAL), com média de 9,30 pontos (*duas partidas jogadas); Joao Rojas (SAO), com média de 8,70 pontos (*uma partida jogada)

A equipe será comandada por Marcos Paquetá (BOT).


PREÇO DO TIME: C$ 143.78.

Prontos para a décima quinta rodada?

Acompanhe o desempenho da nossa equipe aqui!

Por: Gustavo Zani
Twitter: @gus_zani
Instagram: @g_zani
Posição Estratégica #15: a maré tá cheia! Posição Estratégica #15: a maré tá cheia! Reviewed by Gustavo Zani on 7/24/2018 07:54:00 PM Rating: 5